Fontenelle nega preconceito com Alagoas, mas diz que não viria ao Estado devido ao preço de mandíbula

A atriz Antônia Fontenelle voltou a causa polêmica nas redes sociais após dizer que não viria para Alagoas devido ao preço da mandíbula, fazendo referência a agressão sofrida pelo ator global Henri Castelli, ocorrida em 30 de dezembro.

Em suas redes sociais a atriz afirmou que não tem preconceito contra Alagoas e afirma que faltou interpretação. “Em nenhum momento eu disse que o alagoano não era receptivo. eu não generalizei”.

Pouco depois, ela prossegue dizendo que os agressores do ator queimam a imagem do estado.”Aposto que tem ‘gringos’ que vão ter medo de ir a Alagoas, levar uma surra, rachar a mandíbula. Eu não vou. Estou recebendo várias ameaças. Mas eu não generalizo, porque não sou burra”. 

A atriz ainda criticou o secretário Alfredo Gaspar. “O secretário de Segurança disse que fui preconceituosa. Não fui não. Quem ‘cagou’ seu estado foram os agressores. Não vou a Alagoas. É muito cara a mandíbula. Os dentes são caros. Vai que alguém resolve me quebrar em mil pedaços, hein?! Porque a galera tá que tá”.

Ela também cobrou um posicionamento do governador. “Fale com seu secretário de Segurança que não é para me agredir não. É para procurar quem agrediu o ator Henti Castelli”.

Fonte: já é Notícia

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *