Recém-nascida morta em Canapi pode não ter sido espancada pelos pais

A oitiva sobre a morte da recém-nascida Maria Beatriz da Silva começou nesta quinta-feira (12) no 30º Distrito Policial de Canapi. Lá, foram ouvidos os pais, um “rezador” e o médico que atendeu a bebê no posto de saúde da cidade.

Leia está matéria completa…