Polícia prende acusados de assassinar homossexual em Mata Grande

Foto: Cortesia/Blog do Sertão
Foto: Cortesia/Blog do Sertão

Os acusados de assassinar o homossexual Claudevando da Silva Gomes, mais conhecido como “Bolinha”, 27, morto a pauladas e pedradas, no último final de semana, em Mata Grande, foram presos na tarde desta quinta-feira (24), depois de uma denúncia anônima.

O primeiro a ser preso foi Amaurício Gomes Santos, conhecido como “Liu”, 22. A prisão aconteceu por volta das 13h, no Sítio Caititu, zona rural de Canapi, depois que uma pessoa procurou o Grupamento de Polícia Militar (GPM) daquela cidade para informar que tinha visto “Liu” chegando em sua residência com as roupas sujas de sangue.

Leia a matéria completa…