Homem passa de vítima para principal suspeito de atentado à bala que matou amigo

Foto: Minuto Sertão
Foto: Minuto Sertão

Policiais militares da 3ª Companhia do 9º Batalhão prenderam na manhã desta segunda-feira (9), por volta das 8 h, Marciano dos Santos Nunes, 33, sob a suspeita de assassinar Wellington Peixoto Barbosa, conhecido como “Léo Barbosa”, 32, crime ocorrido na madrugada do último domingo (7), em uma estrada vicinal, no Sítio Serrinha, zona rural de Mata Grande. O suspeito, ferido com um tiro em uma das pernas, chegou a alegar que estava com a vítima em uma moto quando foram atacados por dois homens desconhecidos que estavam em outra motocicleta não identificada.

Segundo a PM, a versão contada por Marciano não está de acordo com o que foi investigado pelo setor de inteligência da 3ª Cia que apurou que o suspeito e a vítima beberam juntos durante quase todo o dia e quando retornavam para suas casas, em um trecho da estrada, próximo ao Sítio Serra do Sobrado, acabaram se desentendo por motivo ainda desconhecido, confusão que teria terminado com “Léo Barbosa” morto com quatro tiros e Marciano ferido com um tiro na perna do lado direito.

Leia esta matéria completa…