Moradores afirmam ter visto Adroaldo Siqueira no Povoado Santa Cruz em Mata Grande

Moradores do Povoado Santa Cruz do Deserto em Mata Grande afirmam ter visto Adroaldo Félix da Silva Siqueira, 27, no lugarejo. Ele é acusado de ter assassinados a golpes de faca uma filha e o cunhado, ambos de 3 e 7 anos. O crime aconteceu dia 26 junho em Delmiro Gouveia.

 

De acordo com populares, um homem de características semelhantes às de Adroaldo, supostamente armado, está circulando o Povoado desde o início desta semana. “Vi pelo menos duas vezes o homem que é igual ao da foto que aparece na televisão.” Disse uma pessoa que afirma ter visto o acusado na última segunda feira (4).

 

Assustada a população acionou as polícias Militar e Civil do município que realizaram rondas e abordagens no Povoado, mas não encontraram o acusado que é procurado pelas polícias de Alagoas e Pernambuco.

 

INSEGURANÇA

 

A população do Povoado Santa Cruz do Deserto pede que o governo estadual através da Secretaria de Estado de Defesa Social disponibilize um efetivo policial diário para o lugar que estaria passando por uma onda de roubos de residências e assaltos a estabelecimentos comerciais.

 

“Fica difícil trabalhar em um lugar onde não podemos ter a segurança nem de abrir a porta de casa.” Lamentou uma comerciante que preferiu não se identificar.